Fale Conosco+55 (49) 99804-4550
Postado em 16 de Março às 11h00

PAPO DE PROFISSA: Desempenho na corrida durante o ciclo menstrual

  • Vidas Corridas -

Nós somos dependentes dos nossos hormônios, são eles que regulam nossa motivação, sono, desempenho, etc. Tanto é verdade que as drogas potencializadoras de performance são exatamente isso, hormônios. Conforme envelhecemos, nossos hormônios vão sendo afetados, por isso que muitas pessoas acima de 50 anos passam por regulação hormonal.

O ciclo menstrual cria uma montanha russa de hormônios. Em uma semana a mulher tem seu corpo inundado com substâncias causadoras de bem estar e, na semana seguinte, vê esses hormônios desaparecerem. Com essa variação, é improvável que o desempenho seja constante, e por isso os treinos precisam ser planejados.

Toda mulher é única, e tem sua própria percepção dos impactos causados pelo período menstrual. Eu trabalho com muitas mulheres, atualmente mais de 75% do total de atletas que treinam comigo, e percebo que 4 fases precisam ser respeitadas:

  • 1 ao 4º dia: início da menstruação. Período extremamente desconfortável para treinar. Geralmente deixo como dias para descanso ou treinos leves e opcionais, como corrida leve, bike ou yoga. Algumas mulheres precisam de menos de 4 dias;
  • 5 ao 11º dia: melhor fase para treinos. O corpo recebe uma nova carga hormonal, e o rendimento será o melhor possível. Treinos podem ser mais longos e intensos, pois a mulher também sente-se bem psicologicamente;
  • 12 ao 24º dia: fase “normal”. Esse é o momento de estabilizar os treinos, volumes e intensidades;
  • 24 ao 28º dia: pré menstrual, fase bem complexa. Variação de humor e disposição, algumas mulheres sentem-se inchadas e cansadas. O ideal é manter os treinos, mas de maneira leve, uma vez que a atividade física vai forçar uma liberação de hormônios de bem estar, que pode aliviar dores e melhorar a qualidade de vida. Se sentir que precisa descansar, descanse.

A maioria das mulheres se cobra muito. O fato é que, às vezes, por mais que você se force a ter um bom desempenho, seu corpo não vai permitir isso. A melhor coisa a se fazer é planejar os treinos para que você descanse quando o corpo precisar e tenha um bom rendimento quando estiver no momento certo para isso.

  • Vidas Corridas -

Alex Tomé

  • Educador Físico formado pela Universidade Federal de Santa Catarina;
  • Pós graduado em Fitness na Australian College of Sports & Fitness, em Sydney - Austrália;
  • Pós graduando em Fisiologia e treinamento de endurance;
  • Treinador de corrida;
  • Autor do livro "Correndo com(o) os quenianos".

Comentários!

Comentários

Seja o primeiro a comentar! : )

Veja também

AVALIAÇÃO CLÍNICA PRÉ PARTICIPATIVA11/03/20Fala Corredor! Se liga no texto e pega a DICA! A palavra “lesão” na vida do corredor é algo muito temido e infelizmente muito frequente. Não existe atleta que em toda sua carreira, não tenha passado por inúmeras delas. Por outro lado, a maioria das lesões típicas dos corredores são perfeitamente administráveis, tratáveis e de certa forma podem ser prevenidas. Assim, o ato de......
CUSTO-BENEFÍCIO + PERFORMANCE: Chaser 2 da 361º é eleito o melhor!18/01/19 Modelo conta com tecnologia de responsividade e dispersão de impacto QU!KFOAM e QDP System para melhor performance e conforto! Uma evolução do modelo Chaser , o 361° Chaser 2 foi considerado o melhor custo-benefício da......
Papo de Profissa - Dr. Wilton Eckert15/06/20REMÉDIOS PARA EMAGRECIMENTO X DOENÇA CARDÍACA Tenho certeza que boa parte das pessoas que praticam a corrida tiveram como estímulo a necessidade de redução do peso e melhorar a qualidade de vida. Por esse motivo, resolvi trazer aqui o exemplo, de um caso real, que não deve ser......

Voltar para Blog

  • Vidas Corridas -